domingo, 14 de setembro de 2008

Biblioteca Nacional do México

CONTEXTUALIZAÇÃO:

A actual Biblioteca Nacional do México veio substituir a anterior “Biblioteca México”, fundada em 1946, por José Vasconcelos, um destacado Homem das Letras e da cultura mexicana. O projecto arquitectónico, da autoria de Alberto Kalach foi seleccionado por um jurí de 20 especialistas mexicanos e estranjeiros, entre mais de 590 propostas apresentadas, provindas muitas delas dos mais reputados arquitectos e ateliers de arquitectura do mundo. A Biblioteca Nacional do México foi inaugurada a 16 de Maio de 2006 e destaca-se como uma megabiblioteca, cuja inovação e criatividade conquista qualquer utilizador, por isso inclui-se no roteiro bibliotecário do meu blogue.

CARACTERIZAÇÃO:

A estrutura da biblioteca tem cerca de 12 mil metros quadrados, consiste no seu essencial numa extensa galeria de 91 metros de comprimento, por 36 metros de altura, que poderá albergar até um milhão e setecentos e 50 mil livros e afins.

A biblioteca possui uma ampla galeria de exposições, um museu, uma loja, correios, cafetarias, salas de conferências, um auditório com lotação para 500 pessoas, uma fonoteca, um centro de Línguas, uma sala de música, salas específicas para uso de pessoas com deficiência, e está equipada com mais de mil computadores todos ligados à internet. A biblioteca dispôe de dois pisos inferiores que funcionam como parque de estacionamento para 420 automóveis.

Sublinhe-se que o edifício também presta muita atenção à componente ecológica, usufruindo o máximo possível da luz natural , pois prefere o uso do vidro nas suas divisórias, quer no tecto , quer nas paredes. Recorre igualmente a um sistema de ventilação natural. Para além disso. também capta as águas pluviais e canaliza essa água para rega dos jardins e possui ainda uma estação de tratamento de águas residuais.

FUNDO DOCUMENTAL

O acervo organiza-se segundo a seguinte ordem:

  • Fundo reservado - conserva/guarda os documentos mais antigos : manuscritos, e outros documentos impressos mexicanos do séc. XVI ao séc. XIX. Acrescente-se uma colecção iconográfica.
  • Colecção geral - composta por monografias contemporâneas.
  • Salas Especiais- composta por diversas colecções de material especial: música impressa y gravada, discos compactos, videogravações, publicações enm Braille, mapas, jogos didácticos, etc.

GENERALIDADES:

  • Para consultar a sua página clique aqui
  • Conserva a memória bibliográfica do México.
  • É o maior repositório bibliografico do país: o seu acervo conta com mais de um um milhão e duzentos e cinquanta mil livros e documentos.
  • Contém sala de Consulta/leitura e salas específicas: Bibliografía, Fonoteca, Mapoteca, Tiflológico y Videoteca.
  • O seu fundo de reserva é o mais importante do México.

2 comentários:

Joseliza disse...

Oi Claudia,
Muito interessante a Biblioteca do México!
Quero cumprimentá-la pelo seu blog, sempre com novidades e belas fotografias.
Tenho 53 anos, sou graduada em Biblioteconomia, pela Universidade de Amazonas. Trabalho na Bilbioteca do TRibunal do Trabalho em Manaus. Grande abraço. Joseliza

Patricia disse...

Incrível deu blog, muito bom mesmo! Virei sempre visitar porque, realmente, dá gosto ver seu capricho e riqueza do detalhamento das informações. Parabéns e abraços, Patricia.